#goiás | João de Deus é condenado em mais três processos a quase 100 anos de prisão

O médium João Teixeira de Faria, mais conhecido como João de Deus, foi condenado a 99 anos, 8 meses e 15 dias de reclusão, em regime inicial fechado, em mais três processos envolvendo crimes sexuais. A sentença, divulgada nesta segunda-feira (10), é do titular da comarca de Abadiânia, juiz Marcos Boechat Lopes Filho.

As condenações abrangem crimes de estupro de vulnerável e de violação sexual mediante fraude, envolvendo oito vítimas e crimes praticados entre os anos de 2010 e 2018. João Teixeira também foi condenado ao pagamento de indenização por danos morais às vítimas em valores de até R$ 100 mil.

Apesar da determinação de cumprimento das penas em regime inicial fechado, João Teixeira de Faria segue em prisão domiciliar por decisão em segunda instância. Em um dos processos, o juiz reconheceu a extinção da punibilidade de João Teixeira de Faria em relação a crimes praticados contra duas vítimas entre os anos de 2009 e 2011.

Agora, restam apenas quatro processos de João Teixeira para serem sentenciados pelo juízo de Abadiânia, todos já em fase de alegações finais. Atualmente, João Teixeira de Faria está condenado ao total de 370 anos, 9 meses e 15 dias de reclusão, além de um ano de detenção. As sentenças aguardam julgamento de recursos e ainda não transitaram em julgado.

About Teresa Cristina [Teka]

Check Also

COLUNA do Freitas – Banco Central contra o Brasil

Em primeiro lugar, esse espaço se solidariza com o povo do Rio Grande do Sul que …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *