26 de outubro de 2021

Catalão: Jardel Sebba e Marconi Perillo comemoram criação da Universidade Federal de Catalão  

Com a decisão tomada pela presidente Dilma Rousseff (PT), Regional Catalão da UFG se tornará autônoma

O prefeito de Catalão, Jardel Sebba (PSDB), e o governador Marconi Perillo (PSDB) anunciaram ontem, 04, a criação de uma Universidade Federal no município. O comunicado foi feito pela presidente Dilma Rousseff (PT), em audiência com Perillo, em Brasília, autorizando a formação da instituição de ensino superior em Catalão e outra em Jataí. Com a decisão, a Regional Catalão da Universidade Federal de Goiás se tornará autônoma.

“Catalão e toda a nossa região ganhou um excelente presente e o governador Marconi foi o portador da notícia. Ele me ligou após a audiência com a presidente, que estará em Catalão, no próximo dia 19, para lançar a nossa tão sonhada Universidade Federal. O governador, acima de qualquer divergência partidária, fez todas as gestões necessárias junto à Dilma, para resgatar este compromisso com Catalão”, pontuou Jardel Sebba.

Jardel lembrou que Goiás é um dos poucos estados que tinha apenas uma Universidade Federal. “Minas Gerais tem 11 e Goiás tinha apenas a UFG. É uma data histórica. A notícia da vinda do curso de Medicina já havia sido um grande presente para Catalão, mas agora, o anúncio da autonomia da Regional fecha o ano com chave de ouro. Estamos ansiosos pela vinda da presidente ao município para assinatura do decreto que transformará a nossa Regional em Universidade Federal”, frisou.

De acordo com Marconi Perillo, a discussão se intensificou há um mês, quando o Governo de Goiás anunciou a doação de um terreno de quase 400 hectares para a UFG, em Jataí. “Iniciamos um trabalho conjunto com apoio das prefeituras, da UFG e enviamos à presidente e ao ministro da Educação todas as informações, Considerando que, ao longo de 60 anos, Goiás conviveu com uma única Universidade Federal, esse anúncio é muito importante. Aliás, a UFG é uma extraordinária instituição muito bem dirigida, que forma excelentes profissionais todos os anos, e que foi a responsável pela consolidação de dois dos mais importantes campi do país, que são os de Catalão e Jataí, declarou.

Para o diretor da Regional Catalão UFG, Thiago Jabur, a transformação da Regional da UFG Catalão em uma Universidade Autônoma é uma luta de mais de 20 anos. Ele explicou que o projeto de lei de criação da instituição passará pelo Congresso Nacional, e depois, se aprovado em todas as etapas, será sancionado pela presidente. “Todos nós estamos muito contentes com esse grande avanço para Goiás, que permitirá o crescimento e autonomia dessas duas novas instituições. Logo, o Governo Federal irá detalhar todas as questões envolvidas e o pacote de recursos que será concedido a cada uma. Vale lembrar, que existe um período de transição, em que as novas universidades são acompanhadas por outras, chamadas de tutoras, até que elas possam funcionar plenamente de modo independente”, ressaltou.

Sobre Teresa Cristina [Teka]

Teresa Cristina [Teka]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*