Polícia Federal: Operação combate quadrilha que vende drogas em farmácias do país

São cumpridos 145 mandados judiciais em GO, no DF e em mais 5 estados. Segundo a PF, em oito meses, organização movimentou R$ 240 milhões.

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quinta-feira (27), uma operação para desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico de drogas sintéticas que atuava em Goiás, no Distrito Federal e em mais cinco estados. Eles vendiam os entorpecentes em farmácias. Segundo os investigadores, se trata da “maior quadrilha do Brasil” do ramo. Ao todo, são cumpridos 145 mandados judiciais.

Os investigadores calculam que a organização movimentou, em apenas oito meses, R$ 240 milhões. Comandada em Goiás, a quadrilha possui colaboradores em São Paulo, Paraná, Tocantins, Bahia, Minas Gerais e no Distrito Federal.

Denominada Quinto Elemento, a operação conta com 400 policiais federais. São cumpridos 30 mandados de prisão temporária, 8 de prisão preventiva, 40 de condução coercitiva, 55 de busca e apreensão e 12 sequestro de bens de imóveis, incluindo um prédio residencial de 20 apartamentos.

Segundo a PF, os agentes desmontaram, no decorrer das investigações, oito laboratórios do grupo. Somente em um deles, a quantidade de drogas apreendidas é maior do que a recolhida durante todo o ano de 2015.

De acordo com os policiais federais, a quadrilha era extremamente organizada. Os traficantes são suspeitos de adquirir produtos químicos em empresas regulares para produzir inúmeros tipos de droga, como anfetamina e cocaína.

Os investigadores informaram ainda que o esquema contava com a participação de farmácias e laboratórios. A venda dos entorpecentes era feita por vendedores em veículos de luxo.

 

About Teresa Cristina [Teka]

Check Also

#COLUNAdoFreitas – Crescimento investimentos na indústria 

A coluna desta semana destaca novamente os investimentos que serão realizados no setor industrial do …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *