14 de maio de 2021
ULTIMAS NOTÍCIAS
Capa / Brasil / #CaldasNovas | POLICIA CIVIL INVESTIGA FRAUDE NO CAIXA BENEFICENTE DOS BOMBEIROS

#CaldasNovas | POLICIA CIVIL INVESTIGA FRAUDE NO CAIXA BENEFICENTE DOS BOMBEIROS

A Polícia Civil do Distrito Federal no âmbito da 17ª Delegacia de Polícia [Taguatinga], investiga denúncia de supostos crimes de furto qualificado, estelionato e apropriação indébita dentro da Caixa Beneficente dos Bombeiros do Distrito Federal [Caben-DF].No inquérito policial, constam denúncia de 400 páginas, vídeos, registro de hospedagem sem nota fiscal e de construção de casa na Bahia, por membros da diretoria da Caben e do conselho deliberativo da entidade. A Caben tem cerca de 4 mil associados que pagam, mensalmente, R$ 150 para usufruir de benefícios como descontos em hospedagens, convênios e serviços.Estão sendo investigados o atual presidente da instituição, Clauder Aguiar de Araújo; os diretores Jarbas Fonseca de Oliveira e Carlos Alberto dos Reis e Silva; e o ex-diretor Geraldo Andriola Pereira.Tabela de pagamentosDurante a investigação, os policiais encontraram uma tabela com pagamentos realizados para membros da diretoria e conselheiros, no decorrer dos meses de janeiro e dezembro de 2016.Os gastos como hospedagem e compra de flats em Caldas Novas (GO), por exemplo, eram pagos com dinheiro da associação, sem nota fiscal ou comprovantes da necessidade dos dispêndios.Há ainda nos documentos supostos pagamentos de revisão de carro comprado sem aprovação da assembleia e de 10 flats em um hotel em Caldas Novas, locação de apartamento de terceiros, despesas com veículo, com terreno e construção de pousada, pagamento do contador e obras na sede da Caben.Na documentação colhida durante investigação e oitivas, não foram encontradas atas das assembleias gerais autorizando investimentos, orçamentos e comprovantes dos gastos realizados.ViagensOutros pontos analisados pela polícia são as viagens realizadas pela diretoria para Bahia, Rio de Janeiro e Caldas Novas, com diárias pagas pela instituição, visando a compra de imóveis. Porém, a diretoria ainda não conseguiu comprovar que teve autorização, em assembleia-geral, para adquirir casas e pousada nos diferentes estados.Essa autorização é prevista pelo estatuto da Caben. De acordo com o documento, somente depois da aprovação a diretoria executiva poderia providenciar a viabilização do negócio com base no orçamento aprovado. Após o procedimento, as diárias da viagem poderiam ser pagas, mediante comprovação dos gastos dos beneficiários. O que ainda não foi comprovado no inquérito policial. [G1]

🌐

| Acesse nosso portal: www.agenciapress.com

🎯

| Acesse nosso Facebook: https://facebook.com/agenciapress

📌

| Confira nosso Instagram: https://instagram.com/agencia.press

🐤

| Acompanhe nosso Twitter: https://twitter.com/AgenciaPress

📲

| Add nosso Whatsapp: [64] 9 9949 4284Agência Press | Notícias | JornalismoMarketing Digital | Redes Sociais

Sobre Teresa Cristina [Teka]

Teresa Cristina [Teka]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*