Caldas Novas é a cidade que mais gerou emprego em Goiás​​

Dados são do Ministério do Trabalho e foram divulgados no Jornal O Popular do último domingo

Caldas Novas superou cidades como Goiânia, Aparecida, Anápolis e Catalão e é o município que mais gerou empregos em Goiás. Segundo dados do Ministério do Trabalho, divulgados no jornal O Popular do último domingo, a demanda do setor serviços, causada pelo turismo local, seguido da agropecuária, ajudou Caldas Novas a atingir o primeiro lugar.

Em entrevista concedida ao jornal de maior circulação do Estado, o prefeito Evandro Magal (PP), ressaltou a relevância do turismo nesta geração de empregos. “Quando assumimos a gestão da cidade, Caldas Novas vivia seu pior momento da história, em termos de divulgação negativa, com o Caldas Country 2012. Decidi fazer um pacto administrativo entre Poder Público e Iniciativa Privada. Criamos com isso o modelo da Cidade da Família. Afastamos os baderneiros, arruaceiros e trouxemos à cidade o turista que geram dividendos, e consequentemente, empregos nos restaurantes, pousadas, hotéis e lojas em geral”, disse o chefe do executivo.

O prefeito espera ainda que os novos empreendidos que chegam à cidade consolidem destes números. “Grandes grupos como Golden Dolphin, Rmex, Grupo DiRoma e outros investem em novos negócios aqui. Logo, eles contratarão mais empregados e movimentarão a economia local, inclusive com a previsão inédita do Hard Rock Café que vai gerar 600 postos diretos de trabalho”, disse Evandro Magal.

O vice-governador de Goiás, José Eliton, também comentou em sua  página o destaque de Caldas Novas. “Um dos principais centros turísticos do Brasil, a cidade fechou 2015 com 664 novas vagas, resultado principalmente da demanda do setor de serviços”, ressaltou José Eliton.

About Teresa Cristina [Teka]

Check Also

#caldasnovas | GESTÃO MUNICIPAL ANUNCIA MUDANÇAS NO COMANDO EM VÁRIAS PASTAS

Em Caldas Novas, as pastas de Saúde, Desenvolvimento Rural, Administração, Desenvolvimento Econômico, Relações Institucionais, Escola …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *