Últimas Notícias
Capa / Brasil / #FakeNews – VATICANO ESCLARECE QUE ‘TERÇO’ QUE IA SER ENTREGUE À LULA

#FakeNews – VATICANO ESCLARECE QUE ‘TERÇO’ QUE IA SER ENTREGUE À LULA

lula-rosarioO Vaticano esclareceu que o advogado argentino Juan Grabois, impedido de encontrar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na prisão, na tarde desta segunda-feira [11], fez a visita “a título pessoal” e não em nome do Papa Francisco. Além das farsas do rosário e da ligação para a mãe de Marielle Franco, Lula e o PT também ‘mentiram’ quando viralizaram nas redes sociais uma declaração atribuída ao papa Francisco em apoio a Lula. O pontífice nunca fez tal declaração.

 

“Em mérito às notícias circuladas sobre o suposto envio de um terço pelo Papa Francisco ao ex-presidente Lula, esclarecemos que o advogado argentino Juan Gabrois, fundador do Movimento dos trabalhadores excluídos tentou fazer uma visita – a título pessoal – ao ex-presidente”, diz a nota publicada no site Vatican News.

 

Segundo a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o Vatican News é o site de notícias da Santa Sé. A CNBB, por sua vez, também disse desconhecer o envio do terço pelo Papa ao ex-presidente. Ainda de acordo com a CNBB, o advogado é “ex-consultor” do Pontifício Conselho de Justiça e Paz.

 

No entanto, com um “motu proprio” de 17 de agosto do mesmo ano, o Papa determinou o fim do órgão a partir de 1º de janeiro de 2017 e sua incorporação ao novo Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral.   “A partir dessa data, deixam de exercer suas funções e serão abolidos o Pontifício Conselho de Justiça e Paz, o Pontifício Conselho ‘Cor Unum’, o Pontifício Conselho para a Pastoral dos Migrantes e Itinerantes e o Pontifício Conselho para a Pastoral no Campo da Saúde”, diz o estatuto da pasta.

 

Em sua página oficial, o Instituto Lula descreve Grabois como “emissário do papa Francisco para assuntos de Justiça e Paz” e diz que ele pretendia levar ao ex-presidente um rosário mandado pelo próprio Pontífice.

 

Preso na carceragem da PF desde 7 de abril, Lula pode receber visitas para ajuda espiritual às segundas-feiras, mas o advogado argentino foi barrado por não ter função religiosa. Segundo o Instituto Lula, ele entregou o rosário às autoridades, que prometeram dá-lo ao ex-mandatário.

 

Além das farsas do rosário e da ligação para a mãe de Marielle Franco, Lula e o PT também ‘mentiram’ quando viralizaram nas redes sociais uma declaração atribuída ao papa Francisco em apoio a Lula. O pontífice nunca fez tal declaração.

 

Agência Press |Notícias |Jornalismo

Marketing Digital | Redes Sociais

 

Sobre Teresa Cristina [Teka]

Teresa Cristina [Teka]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*