Últimas Notícias
Capa / Colunistas /   #Artigo | A imposição da oposição 

  #Artigo | A imposição da oposição 

53578810_1512472762223470_2710241178296516608_nWhatsApp Image 2019-03-14 at 09.38.36

O Prefeito Evandro Magal novamente usou as redes sociais para mandar sua mensagem. Nela, bateu à vontade, chamou de desocupados e vagabundos, que, segundo ele, requentaram a notícia de uma denúncia que ele e mais “os mesmos nomes de sempre” estariam se utilizando da proposta de implantação de uma faculdade de medicina para “faturar algum”. Irado, o prefeito bradou em alto e bom som que não entrou um centavo no bolso de ninguém (opa, todo mundo de calça nova) do erário público. E desceu a ripa nos vereadores de oposição. E eu me perguntei: Que oposição? Aquela coisa desorganizada que sabe blasfemar, mas não sabe implementar uma medida prática, uma investigação séria dos atos que eles denunciam e que, tal qual batalha naval, sempre dão em água?

Tal qual a novela das 9, a prefeitura, fonte mágica, tem seus 7 guardiões na câmara. Tem o que fede, o que reza, o que substituiu o que foi tirado, o do puteiro, o exotérico que a oposição chamou de bruxo, o que já jogou a culpa nos outros e se arrependeu… enfim, muito parecido. Acho que Aguinaldo Silva tem um flat na cidade.

Já a oposição começa com o vereador Ofélia, do Fernandinho, que “só abre a boca quando tem certeza”, e acaba tomando caldo de peixe na beira do lago ao som de música baiana… Tem também aquele que entra mudo e sai calado, discípulo da “vecchia signora” em bom italiano, falado em Roma, se é que me entendem, clonou do outro da gestão passada, mas retirou o DNA da rebeldia.

Tem ainda, os amigos Pink e Cérebro, onde o objetivo é conquistar a prefeitura, Cérebro pensa e Pink toma advertência. Tem o “semi-quase” que seria o principal opositor se usasse a cabeça, mas cultiva o mau hábito de escutar vozes do além que habitam as catacumbas de seu gabinete. E finalmente, tem o “siri na lata”, raivoso, opositor, brabo e cheio de brados, mas que não consegue sequer um resultado prático. Vários dos opositores batem para, em síntese, dizer “tô aqui, tem algo para mim?”

Alguns já estiveram ao lado do prefeito enquanto haviam cargos à disposição. Nem tanto por estar em menor número, mas por não conseguir embasar de forma irrefutável nenhuma das dezenas de denúncias contra o prefeitão arrojado, que morre de rir do amadorismo da oposição, que aponta o dedo mas não aponta as provas, fazem furdunço em redes sociais, agitam a população com as denúncias improváveis. “E así pasan lós Diaz”, e o prefeito, que foi cassado, preso, solto e reconduzido, irá terminar tranquilamente seu mandato e, não improvável, eleger o sucessor. Portanto, bem-vindo, “Menininho do Privado”, não por suas qualidades, mas pela inoperante oposição que se tem em Caldas Novas.

Léo Lib é editor do ZCN News e colaborador do portal de notícias Agência Press

Agência Press |Notícias |Jornalismo
Marketing Digital | Redes Sociais

Sobre Teresa Cristina [Teka]

Teresa Cristina [Teka]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*